Blusa cropped de amarrar retrô

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar fácil de fazer do 36 ao 56.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 36.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 38.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 40.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 42.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 44.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 46.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 48.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 50.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 52.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 54.

Esquema de modelagem de blusa cropped de amarrar 56.

Marlene Mukai

Nasci em Minas Gerais e costuro desde criança. Sou filha de costureira. Me formei professora e lecionei por 20 anos. Abandonei a profissão para ter minha própria confecção e loja. Desenvolvi meu próprio método de modelagem e escrevi um livro para divulgá-lo, Modelagem Prática para a Confecção de Roupas. Criei este blog para disponibilizar moldes e dicas de corte e costura. Espero que gostem.

5 comentários

  1. Simplesmente amo seu trabalho,sua disponibilidade de nos ensinar é maravilhoso, muito obrigada e Deus continue com as mãos poderosas sobre a Sra.grande bj no seu 💛💜💛💐

  2. Olá Marlene.
    Cresci vendo minha mãe costurar. Com 5 anos, ela já me deixava pregar botões e fazer bonecas de retalhos; ela também fazia minhas fantasias de festivais escolares e vestidos de formatura. Porém nunca costurei de fato, só acompanhava minha mãe na compra de tecidos, aviamentos e revistas de moda.

    Após 11 anos morando no exterior, voltei ao Brasil, e em meio a tanta violência e agressão devido à política desse momento, encontrei a sua página que tem sido meu cantinho de paz na internet e que está sendo maravilhosa e está me incentivando a finalmente costurar! Com suas técnicas fáceis e sua gentileza de nos fornecer os moldes, estou finalmente aprendendo a costurar.
    Agora já não acompanho a minha mãe apenas nas compras, agora eu coloco a mão na massa junto com ela! Graças à você. Muito obrigada!

    • Fico muito feliz em saber que meu trabalho está te ajudando. Realmente o Brasil assusta com tanta violência e radicalismo. Eu opto por nem assistir reportagens que mostram este lado negativo. Entristece a alma da gente. Também fiz muita boneca de pano para vender. Há uns 20 anos atrás investi um dinheirão em tecidos e aviamentos e fiz quase 100 bonecas para vender, de todas as cores. Mas tive prejuízo porque só vendia as bonecas com vestidinho rosa. Ninguém queria as outras cores. Rs. Foi quando eu aprendi que precisava fazer peças que agradassem o gosto do cliente e não o meu. Logo, logo você estará ganhando dinheiro com seu trabalho. Das bonecas fui para as roupas plus size e montei confecção. Deu tanto certo que passei a fazer moldes para outras confecções seguindo esta linha. Sempre há um caminho que podemos seguir. Um abraço para você e para sua mãe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.