Graduação de molde: calça e saia

Graduação de molde de calça comprida.

Graduação de molde de calça comprida.

Graduação de molde de saia.

Graduação de molde de saia.

Marlene Mukai

Nasci em Minas Gerais e costuro desde criança. Sou filha de costureira. Me formei professora e lecionei por 20 anos. Abandonei a profissão para ter minha própria confecção e loja. Desenvolvi meu próprio método de modelagem e escrevi um livro para divulgá-lo, Modelagem Prática para a Confecção de Roupas. Criei este blog para disponibilizar moldes e dicas de corte e costura. Espero que gostem.

30 comentários

  1. Aos 13 fiz um top, e assim ao passar dos anos copiava através de outras peças, ou por revista moda e moldes, dá p contar nos dedos na época o qto fiz.( Detalhe já tenho 46 anos rsrs)
    Em mais ou menos 2012 decidi largar o trabalho administrativo, comprei uma overloque.
    Comecei a fazer por encomenda com coragem e ousadia, ainda crua sem saber aumentar de um tamanho p outro.
    Aí encontro vc Marlene abençoado por Deus pelo dom e por contribuir c o próximo a ensinar com amor, aprendi c vc a copiar seus moldes, e a poucas semanas descobri e aprendi c vc, como aumentar tamanhos, sou cuidadora e nos dias de folga estou costurando, os dois últimos carnavais venho fazendo fantasias, e agora no momento c muitas encomendas, agradeço a vc q me deu oportunidade de aprender cada dia mais, apaixonada pelo q faço e feliz por ter uma professora como vc q passa seus conhecimentos, muitas bençãos sempre em sua vida, obrigada ❤️❤️🙏🙏

  2. Parabéns querida! Tudo muito liiiiinnndo.
    Sua história fez eu lembrar da minha vida e me dá força para esse momento.
    Aprendi a costura com dez anos e sozinha, cresci estudei me formei em biologia, fui professora, passei por um problema de saúde, recimecei acostura, fiquei curada e depois de 5 anos afastada da profissão de professora voltei para um Colégio para ser responsável pelo laboratórios multidisciplinar de biologia, química, física e matemática. Mas hoje estou com um desejo enorme dê abandonar a profissão é voltar para a costura. Tenho certeza que foi Deus que fez eu encontrar sua história. Obrigada, e que Deus contínui lhe abençoando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.